Tags Posts com a tag "hérnia de disco"

hérnia de disco

1356
Hérnia de disco, tem como controlar.

Se existe uma dor ou problema crônico que possa atrapalhar a sua movimentação ou limitar na hora da prática do exercício físico é a hérnica de disco. Mas o que é e como isso pode acontecer? A resposta, talvez seja complicada de explicar, porém o que acontece realmente é um desgaste nos discos intervertebrais, isto é, discos localizados entre as vértebras que formam a coluna espinhal, que vão se desgastando com o tempo. Na prática, o que acontece é que esse disco sai de sua posição normal e comprimindo as raízes dos nervos, o que provoca uma pressão sobre elas, gerando aquelas dores muitas vezes insuportáveis.

Pilates.
Exercícios específicos para hérnia de disco.

Para essas pessoas, uma boa dica é procurar algum lugar que ofereça aula de Pilates. Essas aulas o ajudarão a melhorar a postura e também amenizar dores que são provocadas pela hérnia de disco. Obviamente, que para cada aluno há exercícios de Pilates para hérnia de disco específicos, que serão desenvolvidas em parceria com o aluno, de acordo com as suas necessidade e limitações.

Pilates não cura, ameniza a dor

Vale ressaltar que as aulas e os exercícios de Pilates para hérnia de disco não irão curar a sua dor e sim através de técnicas melhorarão o incomodo que essa dor causa na pessoa. Muita gente pensa que fazendo algumas sessões de Pilates poderá sanar a hérnia, pelo contrário essas aulas irão ensinar como melhorar e corrigir a sua postura, que são um dos motivos que podem ter levado você a ter esse problema crônico.

Hérnia de disco.
Pilates, uma boa ajuda no combate a hérnia de disco.

Pilates para todos

Há aqueles que procuram as aulas para corrigir a postura, outros para fortalecer a musculatura da região ou outros que admiram as aulas e querem evitar terem esses problemas futuramente. Por isso, que muitos dizem que as aulas de Pilates e seus exercícios são para todos, afinal os professores estão aí para entender e tentar de certa forma corrigir ou melhorar a sua performance atlética, claro, como já foi dito, a base de exercícios específicos e variando de pessoa para pessoa, pois o importante é o bem-estar da pessoa e ela estar feliz com ela mesmo.

 

 

2076
Pilates: uma ótima técnica para combater as hérnias de disco!

Hoje em dia, são muitas as dores entre as pessoas que têm uma rotina corrida. Algumas dessas dores às vezes nem incomodam tanto, porém tem outras que não só trazem grande mal-estar às pessoas, como também as prejudicam nas várias esferas de sua vida. As chamadas hérnias de disco fazem parte do grupo das “dores insuportáveis” e hoje, segundo o INSS, são a segunda maior causa de afastamento de pessoas do trabalho no Brasil, sendo superadas apenas pelas doenças do coração. Além disso, o número de afetados pelas hérnias de disco chega a mais de 6 milhões no país.

Mas o que são as hérnias de disco? Tratam-se de lesões ocorridas nos discos que fazem parte da coluna vertebral. Entre uma vértebra e outra, há estruturas em formato circular que têm como função impedir o atrito das vértebras e ainda amortecer o impacto, funcionando como “sanfonas” da postura. No entanto, com o decorrer do tempo – e também com a falta de atividade física, com o excesso de peso carregado nas costas e com vícios posturais –, esses discos acabam se deslocando e atingindo as raízes dos nervos localizados na coluna, formando, assim, as dores tão complicadas.

Por isso, os sintomas mais comuns das hérnias de disco são dores na região lombar ou no pescoço, dormência nessas partes, sensação de fraqueza, distúrbios motores e dificuldade para espirrar, rir, tossir, se levantar ou se sentar. O tratamento para esse problema chega a durar três meses e consiste de um período de repouso (geralmente curto), a utilização de medicamentos analgésicos e fisioterapia.

Contudo, para um tratamento ainda melhor e que previna novos riscos de se contrair esse problema, o que especialistas têm recomendado é que as pessoas afetadas façam exercícios de pilates para hérnia de disco. O pilates, que é uma atividade física bastante conceituada para a coluna (como já foi visto no post anterior do blog), pode ser ótimo inclusive para quem sofre com dores nessa região e precisa eliminar esse sofrimento.

 

Efeitos e vantagens

Mulher praticando pilates

Como a hérnia de disco é um deslocamento das estruturas circulares que compõem a coluna, uma forma de se aliviar as dores e solucionar o problema é colocar essas estruturas na posição original. Afinal, elas só saíram do lugar porque um vício ou um defeito na coluna começou a forçá-las em demasia, empurrando-as para o lado.

No caso do pilates, os exercícios são feitos para estimular toda a musculatura a ficar reta e alongada. Assim, para quem sofre desse problema, isso significa realizar atividades físicas focadas na postura, corrigindo seus erros e fortalecendo-a para que ela volte a ter a condição ideal que ela foi perdendo ao longo do tempo. Essas atividades focam em músculos internos, de modo que as hérnias poderão pouco a pouco ser estimuladas e comprimidas a voltarem ao lugar certo, de onde elas nunca podiam ter saído.

E não é apenas a coluna que precisa ser exercitada durante as sessões. Especialistas apontam que, no decorrer das aulas, o quadril, a parte superior das pernas, as coxas, as canelas e os ombros também devem ser estimulados. Isso porque a dor, mesmo em seu estágio inicial, já começa a atingir outros membros do corpo, de modo que não basta apenas alongar a coluna para sanar o problema.

Com isso, o pilates consegue resolver alguns pontos-chave das hérnias de disco. Ocorrem o alívio da dor, a diminuição do formigamento, a melhora da postura e a recuperação de movimentos até então debilitados. O corpo todo também ganhará, já que os exercícios de pilates também promoverão um fortalecimento muscular, uma redução do stress e uma melhora na consciência corporal.

 

Tratamento 360°

Ainda assim, é importante frisar que, por se tratar de um problema físico agudo, as pessoas devem procurar orientação médica para saberem qual o melhor tipo de tratamento segundo o seu caso e a sua saúde. Há tratamentos que inclusive utilizam múltiplos meios e, por isso, são chamados de 360°. Além do pilates, o médico pode receitar a osteopatia e a reeducação postural global (RPG), procedimentos fisioterapêuticos muito recomendados em casos extremos.